Jornal Página 3

Edson Fachin autoriza abertura de inquérito contra presidente Michel Temer
Marcos Oliveira.

LETÍCIA CASADO, RUBENS VALENTE E TALITA FERNANDES
BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - O ministro Edson Fachin, do STF (Supremo Tribunal Federal), autorizou a abertura de inquérito para apurar se o presidente Michel Temer cometeu crime de obstrução à Justiça com base na delação premiada dos irmãos Batista, do grupo JBS.

Os empresários Wesley e Joesley Batista entregaram aos procuradores uma gravação em que Temer dá aval a um pagamento para comprar o silêncio do ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) e do doleiro Lúcio Funaro, informou reportagem do jornal "O Globo". Os dois já estavam presos pela Lava Jato.

Temer ouviu de Batista que ele estava pagando a Cunha e Funaro "uma mesada na prisão para ficarem calados'. Diante da informação, Temer incentivou: 'Tem que manter isso, viu?'", de acordo com o jornal.

Segundo a Folha apurou, ainda em abril, o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, fez consultas ao ministro Luiz Edson Fachin, relator da Lava Jato no (STF) Supremo Tribunal Federal, sobre a possibilidade de investigar Temer. 

 


Quinta, 18/5/2017 15:04.
Publicidade


Cidade

É resultado de desrespeito e incapacidade administrativa. Escola é a única que oferece ensino integral para educação fundamental.


Empregos

Com terceirização os 157 contratados poderão ser mantidos no emprego. Veja as vagas disponíveis.


Geral

Devido serviço de manutenção na ETA


Cidade

Navio já chegou com passageiros de 14 nacionalidades e 1.283 tripulantes 


Mundo/Internacional


Publicidade

Projetos têm nomes de árvores nativas e podem ser adequados ao gosto dos clientes


Publicidade