Jornal Página 3

Aécio diz que irá se licenciar da presidência do PSDB e indica Tasso
Agência Brasil

TALITA FERNANDES E LAÍS ALEGRETTI

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - O senador Aécio Neves (PSDB-MG) anunciou nesta quinta-feira (18) que vai se licenciar da presidência nacional do partido e indicou à Executiva o nome do senador Tasso Jereissati (CE) para assumir de forma interina o comando do PSDB.

"A partir de agora, minha única prioridade será preparar minha defesa e provar o absurdo dessas acusações e o equívoco dessas medidas", disse o tucano por meio de nota.

O afastamento do senador era previsto e a bancada do partido na Câmara chegou a anunciar, mais cedo, que o deputado Carlos Sampaio (SP) ocupará o cargo interinamente.

"Depois de ouvir inúmeros companheiros e seguindo o que determina o nosso Estatuto, estou apresentando à Executiva o nome do senador Tasso Jereissati, do PSDB do Ceará, para assumir nessa interinidade a presidência do partido", escreveu.

Aécio foi alvo, nesta quinta, de mandados de busca e apreensão e de um pedido de prisão, este último negado pelo STF (Supremo Tribunal Federal).

O tucano diz estar certo de que as investigações mostrarão "correção" dos atos deles e dos familiares deles.

"Me dedicarei diuturnamente a provar a minha inocência e de meus familiares para resgatar a honra e a dignidade que construí ao longo de meus mais de trinta anos de vida dedicada à política", diz a nota.


Quinta, 18/5/2017 18:13.
Publicidade


Cidade

É resultado de desrespeito e incapacidade administrativa. Escola é a única que oferece ensino integral para educação fundamental.


Empregos

Com terceirização os 157 contratados poderão ser mantidos no emprego. Veja as vagas disponíveis.


Geral

Devido serviço de manutenção na ETA


Cidade

Navio já chegou com passageiros de 14 nacionalidades e 1.283 tripulantes 


Mundo/Internacional


Publicidade

Projetos têm nomes de árvores nativas e podem ser adequados ao gosto dos clientes


Publicidade